A gente bem que queria levar uma vida de Carrie Bradshaw e usar Manolo Blahniks em todas as ocasiões da vida, mas as coisas não são bem assim, né? Quem trabalha a pé ou de transporte público precisa de sapatos que sejam não só bonitos, mas também confortáveis para aguentar a andança nas calçadas, muitas vezes irregulares – sem contar na eventual corridinha para pegar o metrô ou ônibus que está passando logo quando você está quaaase chegando na estação ou ponto.

Eu mesma não vou trabalhar a pé, mas sempre tenho reuniões no meio do dia que requerem uma caminhada de alguns (vários) quarteirões pelo bairro, e os meus pés agradecem a escolha por sapatos bem amortecidos e que não me incomodam pelas andanças por aí.

Os slip ons são um staple que ficam na metade do caminho entre o casual e o arrumadinho. Eles podem compor praticamente qualquer tipo de look e hoje vocês podem achar o calçado em praticamente qualquer cor e estampa. Dá até para ter uma coleção!

O Nike pretinho com a sola e marca branca é um staple da onda minimalista preto/branco/jeans que tem tomado conta dos últimos anos e merece menção honrosa nesse post: o calçado fica bem com tudo e é mega confortável!

Ele também aponta para uma tendência crescente que são as estampas de marcas nas coisas. Aliás, essa é uma tendência que é super importante ficar de olho!

Já quem gosta de um look mais sério e não abre mão da elegância no dia a dia, ou até mesmo trabalha em ambientes formais que não permitem calçados como tênis, tem como saída perfeita as ankle boots – que tal usar uma pretinha básica com um salto baixo que combina com tudo? Dá pra usar com saias, vestidos e calças de diferentes de modelagens .

Para quem não mora em São Paulo e tem certeza de que não vai chover, é bom apostar em um flat bailarina, que também pode compor diferentes looks – desde os mais casuais até os mais chics para dias de reunião!

E aí, amoras? Vocês vão a pé para o trabalho? Qual calçado é mais a cara de vocês? Eu particularmente amo todos e acho que cada dia merece um tipo diferente – depende muito do humor e do clima, né?

Beijo e deixem seu comentário aqui embaixo!