Existem dois tipos de pessoa no mundo: as que olham para alguns looks do passado e morrem de vergonha e as mentirosas. Eu fiz um vídeo mostrando os meus pioooooores looks dos últimos anos, porque melhor que Luta do Dia é ter a habilidade de assumir os próprios erros e dar gostosas gargalhadas, não é? Dá o play aí em cima!

Esse post é um adendo e ele contempla os anos entre 2010 e 2017. Vamos escavar o passado recente e olhar para as piores tendências da década (que ainda não acabou, hein)!

2010 – Jeggings

Quem inventou isso achou que estava fazendo um favor à humanidade, já que os skinny jeans estavam com tudo. Convenhamos que não é divertido se contorcer pra caber em uma calça, né? Daí resolveram fazer jeans de lycra como solução, mas gente??? Não tem condições. Ou é legging ou é jeans. As duas coisas juntas simplesmente não dá.

2011 – Meia calça sem calça

Socorro! Quem estava num momento party girl em 2011  com certeza viu esse look pelas baladas. É errado em tantos níveis que eu nem vou discorrer. Meia calça é roupa de baixo, e não roupa de cima! STOP!

2012 – Headband no meio da testa

Uhhh… Acho que foi na época em que os head accessories eram a última tendência. Mas olha… o único acessório permitido no meio da testa é a faixinha de quem joga tênis – e só aceitável dentro da quadra, por favor!

2013 – Peplum

Todas somos culpadas aqui. A promessa de uma modelagem feminina, que exalta as curvas e te deixa magrinha na parte de cima PARECE promissora, só que na realidade o peplum só servia para fazer a sua cintura desaparecer e deixar os quadris ainda maiores. Nãããão!

2014 – Moletom gráfico e ugly sweater

Antes de ser declarada a morte do hipster, os moletons com estampa localizada e os ugly sweaters eram uma expressão irônica através da moda. Mas vamos combinar que não dá. Não tem condições de ser irônico no seu outfit sem se arrepender depois. Engraçado ou não, feio é feio. Não dá. Descansem em paz, moletons horrorosos!

2015 – Jeans detonado nos lugares errados

Essa trend está rolando até hoje, né? Vou ser cuidadosa. Mas a real é que quando você tem mais buracos do que calça, não dá. Jeans com corte abaixo da bundinha, jeans com rasgados do tamanho de um palmo no meio da coxa… Acho que nem nas top models mais magras, altas e saradas dá muito certo. Vamos refletir?

2016 – Normcore

Se eu quisesse parecer um personagem de Seinfeld eu teria parado no ano de 1994 e desistido da vida. É só isso que eu tenho a dizer.

2017 – Não existe brusinha que não seja cropped

Tudo bem, todas as saias ultimamente são de cintura alta. Mas e quando eu quiser usar uma calça? E se eu não quiser mostrar a minha barriga? Eu desafio vocês a entrarem numa loja de fast fashion e acharem brusinhas que não são cropped. O sangue chega a ferver!

E vocês? Concordam essa lista? Qual o pior crime fashion que já cometeram? Me respondam nos comentários pra eu não me sentir tão pecadora!

Beijos <3

Write A Comment